Blog do Língua de Aço

Cemig informa que avião com Marília Mendonça atingiu cabo de linha de distribuição

A Companhia Energética de Minas Gerais S.A. (Cemig) informou, por meio de nota, que o “avião bimotor que transportava a cantora Marília Mendonça e outras quatro pessoas atingiu um cabo de uma torre de distribuição da companhia” na cidade de Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce, no oeste de Minas.

A Cemig informou em nota na noite desta sexta-feira (5) que a Linha de Distribuição (LD) Caratinga 1 – Ipanema 69KV está sendo reativada.

“A energia havia sido interrompida para cerca de 33 mil pessoas dos municípios de Ipanema, Conceição de Ipanema, Taparuba, Pocrane, Mutum e São José do Mantimento, devido a um acidente aéreo”, afirmou a companhia.

“O fornecimento de energia já foi restabelecido nas sedes municipais de São José do Mantimento e Conceição de Ipanema, permanecendo interrompido para cerca de 24 mil clientes”, diz trecho da nota. “Equipes da Cemig atuam no momento para restabelecer a energia para os demais clientes no menor tempo possível. A previsão inicial para esse restabelecimento é ao longo da noite de hoje (5)”.

Nesta sexta-feira (5), a cantora viajava para cumprir a agenda de shows quando a aeronave caiu em curso d’água próximo da rodovia BR-474.

Segundo a Infraero, o avião com a artista decolou às 13h05 (hora de Brasília) do aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia.

A assessoria da cantora confirmou as mortes do produtor Henrique Ribeiro, do tio e assessor da cantora, Abicieli Silveira Dias Filho. No começo da noite, o piloto foi identificado como Geraldo Martins de Medeiros e o copiloto foi identificado como Tarciso Pessoa Viana. Todos os corpos foram retirados do local.

A distância do ponto do acidente até o aeroporto da cidade de Caratinga, onde ela faria um show, é estimada em três quilômetros.

 

Williams Soares

Adicionar Comentário

Notícias Mais Recentes